Vamos falar sobre correr na Disney?

Quando se fala em Disney, logo vem a ideia de magia, fantasia, infância, personagens… Mas e correr nos parques, é tudo na base do oba-oba?!


Vamos por partes: primeiro tem que ter planejamento financeiro (porque correr em dólar é dolorido). O calendário 2017/2018 já está disponível e ali você pode ver qual ou quais provas você deseja realizar, tanto em Orlando quanto na Califórnia. 

Depois que você escolheu seu desafio ou a prova é justo que você treine para isso, não é?! Assim, ajuste com seu treinador (ou procure um) o treino ideal para você. Não só o treino de corrida, fazer musculação é essencial para que você não morra depois das provas e fique “dormindo em dólar” que custa caro. 


Quanto aos desafios, a Disney disponibiliza vários. Creio que o mais difícil seja o Dopey Challenge, ou desafio do Dunga, que consiste em realizar 4 provas seguidas – 5k, 10k, 21k e 42k – no primeiro final de semana de janeiro. 


Os treinos para esse desafio são bem sacrificantes, pois o ponto alto da planilha vai bem na época de confraternizações, festas de fim de ano e nem sempre as pessoas vão querer fazer os longos com você. Portanto, vc terá que treinar muitas vezes sozinho. Eu tive sorte por ter amigas que me acompanharam durante todo o processo 💕


Outro desafio bem bacana que acontece na Califórnia na semana seguinte é o Rebel Challenge, que se realiza 5k, 10k e 21k com a temática do Star Wars, o lado da luz. Também há o lado negro, mas este é realizado em Orlando em meados de abril.


Portanto, há corridas e desafios oferecidos durante o ano todo, tanto em Orlando, na Califórnia e em Paris, que iniciou suas provas no ano passado.

Mas se você não quiser realizar os desafios, você pode fazer as provas individuais e recebe a medalha correspondente. Nos desafios, sempre se ganha uma medalha a mais por ter realizado todas as provas.

Há ainda um desafio que poucos conhecem que é o Coast to Coast: é quando você realiza maratona ou meia maratona nas duas costas – Florida e Califórnia – no período de um ano. Foi o que eu fiz – realizei o Dopey na Florida e a Meia do Star Wars na Califórnia. 


Correr na Disney é oba oba?! Acho que depende do foco que você tem. Para quem quer correr e bater RP, pode dar certo, porque além dos percursos serem ótimos, o clima e a estrutura ajudam muito para isso. 

Agora quem quer tirar fotos a cada milha que passa, pegar fila pra tirar foto com personagens, caminhar, conhecer o submundo (porque você passa por locais em que  os visitantes não têm acesso), paquitar com fantasias, desde que não atrapalhe quem foi correr, ok. Isso pode ser feito em qualquer prova do mundo dentro do tempo de corte.

Este ano, meu marido foi caminhar na prova. Saímos no último corral junto com os caminhantes e não atrapalhamos ninguém, portanto, não acho válido sair em um corral que você não esteja habilitado e atrapalha quem realmente quer fazer a prova para tempo. Sair na frente, pra falar que saiu, só atrapalha quem realmente tá afim de correr.


Se alguém quiser alguma ajuda ou opinião sobre correr na Disney, pode entrar em contato aqui no Gatas, que eu e a Ju (que foi em 2015) podemos ajudar! 

Um beijo e feliz 2017 de verdade!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s